Mande sua mensagem também nas redes sociais.

Atividade Parlamentar

Schincariol amplia fábrica de Alagoinhas e cria dois mil empregos

postado em 30/08/2012 02:08

Com 15 anos de atuação na Bahia, a empresa Schincariol inaugurou nesta quarta-feira (29) a ampliação da fábrica de Alagoinhas, que dobrou a capacidade de produção e gerou mais de dois mil empregos diretos e indiretos. Foram incorporados 33 mil metros quadrados à nova área de fabricação, que também recebeu equipamentos de última geração para produzir desde água mineral até cerveja.

Schincariol amplia fábrica de Alagoinhas e cria dois mil empregos

Schincariol amplia fábrica de Alagoinhas e cria dois mil empregos

A empresa investiu R$ 400 milhões na fábrica, que passa a ter capacidade de produzir 400 milhões de litros de refrigerante e 900 milhões de litros de cerveja por ano, o que equivale a 7% do consumo anual do país – 13 bilhões de litros de cerveja em 2011.

Na cerimônia de inauguração estiveram o governador Jaques Wagner, acompanhado de secretários estaduais, o presidente do grupo Schincariol, Gino di Domenico, e o presidente da Kirin, empresa japonesa que controla a Schin, Senji Miyake. A fábrica de Alagoinhas é agora a maior do grupo fora de São Paulo e vai abastecer o Norte e o Nordeste do país.

“O investimento na indústria baiana tem contribuído para o crescimento de nossa economia e a geração de empregos. Temos trabalhado muito para mostrar aos empresários as vantagens de vir para o estado, como a excelente mão de obra que temos”, afirmou o governador. Ele disse ainda que esse trabalho de atrair investimentos foi um dos responsáveis pelos 500 mil novos empregos com carteira assinada criados no estado nos últimos cinco anos.

Schincariol amplia fábrica de Alagoinhas e cria dois mil empregos

Schincariol amplia fábrica de Alagoinhas e cria dois mil empregos

O presidente do grupo Schincariol destacou o crescimento das atividades no estado. “A Bahia foi nossa porta de entrada na região Nordeste, onde, nesses 15 anos, crescemos em produção, empregos e em geração de ICMS. Atualmente, o ICMS gerado é na ordem de R$ 400 milhões”.

Fonte: Secom/Governo do Estado