Mande sua mensagem também nas redes sociais.

Notícias

Bahia comemora mais de 1,4 milhão de alfabetizados desde 2007

postado em 14/11/2016 11:11

No dia Nacional da Alfabetização, a Bahia tem motivos para celebrar. Desde 2007, o Programa Todos pela Alfabetização (Topa), realizado desde 2007 em parceria com o governo federal, já alfabetizou 1,4 milhão de jovens acima de 15 anos, adultos e idosos, que não puderam realizar os estudos na idade regular. Ao assegurar a alfabetização, o Topa também promove o resgate da cidadania.

O ano de 2015 foi de grandes conquistas e boas notícias para o Topa. A 8ª etapa do programa beneficiou cerca de 100 mil baianos, trazendo para eles novas perspectivas de vida.

Em 2016 o objetivo da 9ª etapa do Topa foi beneficiar mais de 120 mil baianos que ainda não tiveram a oportunidade de participar do processo educacional, entre eles, a população de rua de Salvador. Desde janeiro, a prioridade foi atender os municípios que apresentavam números acima de dois mil analfabetos, inclusive nas áreas rurais, população quilombola, cigana e pessoas privadas de liberdade.

Este ano, o Topa recebeu o prêmio nacional Paulo Freire, promovido pelo Ministério da Educação (MEC) para homenagear estados que tenham tido êxito na educação de jovens e adultos no Brasil.

Diversas ações foram realizadas ao longo do ano para atingir essa meta, entre elas, um encontro com as universidades de Feira de Santana (Uefs), de Santa Cruz (Uesc), do Estado (Uneb), além dos institutos Imborés e o Educacional do Recôncavo Baiano (Ierb), que são parceiras e responsáveis pela formação dos 5.826 professores alfabetizadores da iniciativa. O evento foi promovido pela coordenação do Topa para discutir as ações de implementação da etapa 2016 do programa, que atingiu 232 municípios do estado.