Mande sua mensagem também nas redes sociais.

Notícias

Nilo recebe comissão em prol da Universidade Federal do Nordeste da Bahia (UFNB)

postado em 04/06/2014 12:06

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Nilo, recebeu dos parlamentares e integrantes da comissão que trabalha no anteprojeto de criação da Universidade Federal do Nordeste da Bahia (UFNB) uma indicação com as assinaturas de todos os deputados estaduais baianos em favor desse pleito. O próprio Marcelo Nilo já havia assinado o documento que será entregue nesta sexta-feira (06), ao governador Jaques Wagner, junto com um pedido de audiência ao ministro da Educação, José Henrique Paim.
Integravam o grupo,  representantes dos quatro Territórios de Identidade beneficiados pela futura Universidade, região que abrange do município de Alagoinhas até Paripiranga ou de Riachão do Jacuípe até Santa Brígida, como destacou a deputada Fátima Nunes (PT), uma das participantes da comissão, formada ainda, por seus correligionários Joseildo Ramos, Neusa Cadore, pelo líder do governo Zé Neto e pelo deputado Adolfo Menezes (PSD). Para o líder governista trata-se de um reivindicação justa, que atingirá milhares de baianos que não contam com acesso ao ensino público de nível superior, uma lacuna também presente na Chapada Diamantina que também de mobiliza para obter a sua universidade federal. 

_DSC0227
APOIO 

O deputado Marcelo Nilo, que é de Antas, município localizado “no miolo da área de ação dessa sétima universidade federal da Bahia”, manifestou a sua alegria com o trabalho de mobilização e discussão realizado. Ele irá às audiências com o governador e o com o ministro da Educação, lembrando a necessidade de pressa, já que existem outros pleitos e “quem chega mais cedo bebe a água fresca”. Registrou ainda o avanço obtido nos últimos anos, pois antes da administração do governador Jaques Wagner a Bahia só dispunha da Ufba.
A deputada Neusa Cadore relatou como está sendo construído o anteprojeto, o  “excepcional envolvimento da comunidade e a unidade, pois ninguém está brigando para sediar essa ou aquela unidade, estado focados apenas na garantia de criação e instalação dessa instituição tão importante. Ela informou ainda sobre as reuniões finais desse trabalho que será encerrado nos dias 10, em Araci, e 13, em Serrinha. Já o deputado Adolfo Menezes salientou o impacto para o desenvolvimento e para a economia regional que uma instituição desse porte carreia a longo prazo, pois além dos empregos e renda gerada, possibilita aos jovens permanecer perto de suas famílias e de sua realidade reduzindo o êxodo para as metrópoles. Ao evitar o deslocamento, famílias de menor renda têm a possibilidade de ver sues filhos cursarem uma universidade de qualidade como são todas as federais, completou.

_DSC0223
Falou por último o deputado Joseildo Ramos que funcionou como um coordenador informal do trabalho, lembrando que em raros casos todos os deputados estaduais se postaram tão firmemente em torno de uma proposta que é da Assembleia Legislativa e do governo baiano como um todo – uma posição política madura que deixou de lado questiúnculas municipais em prol da obtenção de um compromisso para o próximo presidente da República e do futuro governador em favor do ensino superior de nível federal nessa região tão sofrida da Bahia.

Fonte: Diário Oficial