Mande sua mensagem também nas redes sociais.

Notícias

Nilo visita cientista que afirma: Planejamento familiar é a solução para o Brasil

postado em 14/07/2015 05:07

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Marcelo Nilo, visitou o Centro de Pesquisa e Assistência em Reprodução Humana – CEPARH, nessa terça-feira (14), em Salvador. Na visita, Nilo conversou com o Dr. Elsimar Coutinho, presidente do CEPARH e cientista de reconhecimento internacional, que apresentou a instituição e seus projetos de pesquisa.

19506499858_1cbbf46218_b

O CEPARH é uma instituição sem fins lucrativos que proporciona e divulga os benefícios do planejamento familiar. De acordo com o Dr. Elsimar, a população brasileira está crescendo de maneira não programada e isso se configura como um obstáculo para o desenvolvimento do país. “A família precisa entender que, para ter filhos, é necessária a garantia de eles terão proteção, alimentação e educação. Não deixaremos de ser um país subdesenvolvido sem o planejamento familiar”, afirmou. Como exemplo, ele citou a China, que deixou de ser um país subdesenvolvido e garantiu espaço entre as potências mundiais. “A China deixou de ser o que era através do planejamento familiar. Lá é proibido ter o segundo filho. No Brasil, acho que poderíamos ter no máximo quatro filhos. A partir do quarto, a família já não deveria mais receber auxílio do governo”, completou.

19073621183_86e429ae18_b

Na Bahia, a taxa bruta de natalidade atual, de acordo com o IBGE, é de 14,83 a cada mil habitantes. Desde o ano 2000, quando os valores estavam superiores a 21, houve uma queda significativa no estado e a tendência é que esse valor continue diminuindo. Nilo declarou o seu apoio ao planejamento familiar e afirmou que é necessário o apoio dos políticos para que essa realidade se torne concreta.

19687398922_6628110f9a_b

Nilo também reconheceu a importância do CEPARH e parabenizou o trabalho do Dr. Elsimar Coutinho. “O CEPARH e o doutor são referencia no Brasil e no mundo. Como presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, vou estudar e conversar sobre o assunto. O planejamento familiar é uma realidade e tem que receber o apoio do governo federal. Nós, políticos, temos que abraçar esse projeto e incentivar o desenvolvimento da Bahia e do Brasil”, declarou o presidente.